Um dia



hei-de habitar numa qualquer cidade que me deixe passear tranquilamente de bicicleta com um cesto à frente. Ah!! e uma campainha, tem que ter campainha, naturalmente.

Sem comentários: