Vitamina B9 ou ácido fólico

A redução clara do risco de autismo foi constatada "nas crianças cujas mães tinham tomado vitamina B9 entre quatro semanas antes do início da gravidez e oito semanas depois", precisou Pal Surén, epidemiologista no Instituto Norueguês de Saúde Pública e principal autor do estudo.

A importância de planear uma gravidez passa também por aqui. A ser verdade, e aparentemente não vejo que não há de ser, são instituições com credibilidade, são realmente números muito altos.

2 comentários:

pastora disse...

ai filha, tu queres ver que ela está a pensar em ter uma cria?!

Carol disse...

Era bonito!