Água salgada

Há poucas coisas que trazem tanta tranquilidade como ouvir o som do mar. E é por isso que eu espero nunca ter que viver numa cidade na qual não consiga chegar perto da imensidão que é o oceano em menos de uns poucos minutos. O mar limpa, acalma e era bom que tudo levasse, bem quase tudo, só aquilo que precisa de ser levado na realidade.

2 comentários:

Minimi disse...

Adoro o mar e concordo contigo. Ouvir o som do mar, olhar para ele... é uma boa terapia. Também nunca me imaginei a viver num sítio onde pudesse vê-lo com frequência e, no entanto, aqui estou eu. Dou-me por contente por ter um rio, não é a mesma coisa, mas também sabe bem olhar para ele.

Carol disse...

Um rio é quase tão bom como o mar na ausência dele. Um dia voltarás certamente para junto do teu mar.